Normalopatas

Cia. Àtropical Texto e Direção: Dan Nakagawa Estação Satyros, SP A peça não é densa ao ponto de codificar sua razão de ser, e os elementos do pop encontram sutil conforto cênico nas vozes do animado, focado e sardônico elenco.Há diversos acertos, desde a interpretação dos atores ao texto. O figurino é eficiente em situar as personagens e suas relações expressionistas, entretanto não é possível perceber no material encenado os elementos que apresentam a obra por meio de seu subtítulo. A “pornochanchada” estaria manifestada em qual dimensão do trabalho? Eu vi, e ótima, farsa tragicômica. E o "Brasil", também anunciado, onde se vê? Estaria comprimido nas figuras burguesas (burguesopatas ) que p

Uma Peça por Outra

Texto: Jean Tardieu Direção: Brian Penido e Guilherme Sant'Ana Teatro Aliança Francesa, SP Raro é o dia em que a tradição , quando conserva valores complexos e inclusivos, em instâncias formais conscientes da importância da própria forma, vem a decepcionar o expectador que escapa da média do leitor nacional (dois livros ao ano). Este trabalho que abre sua profusão de excelentes e bem trabalhadas cenas com um quadro inicial protagonizado por Brian Penido (também diretor) e Clara Carvalho, já neste instante revela sua vocação e predileção pela perfeição e a ruptura com a mediocridade do tempo presente (na cultura, nas artes e na política). Clara e Brian não ensinam nada aos jovens atores, pois

Killer Joe

Direção: Mario Bortolotto Texto: Tracy Letts Cemitério de Automóveis, SP É preciso pontuar o ritmo acertado e o entendimento eficaz de cada uma das cenas que compõe o panorama moral das personagens e a tese da direção. Certamente não é fácil recriar imagens e atmosferas já recrutadas pela arte do cinema, e isto, aqui, está absolutamente bem trabalhado com objetivo claro, rigor e eloqüência criativa. Na arte as dinâmicas estéticas precisam conter não apenas “acertos” ao redor da obra. Um grande medidor de sua validade conjectural é sem duvidas sua disposição para agrupar as suas próprias contradições. A montagem, em nítida curva na trajetória do diretor, opta por condicionar os elementos de c

Vaga Carne

Texto e direção: Grace Passô Caixa Cultural, SP Há na montagem uma curva de aprendizado pautada pela suposição de que o expectador terá paciência para cumprir a parábola. Num início codificado que exige meditação, espera, reflexão contínua e olhos atentos, o público vê-se no lugar filosófico da personagem que ainda virá: nós do público vagamos por lugares inadequados, ásperos e interrogativamente “siderais”.Firmando matrimônio com este procedimento, a atriz-narradora-possuída-personagem acessa hiperlinks que se cruzam sem que haja construção empírica, ou seja, aqui as dúvidas estão sempre recomeçando a partir de um terreno árido.Há na intérprete um pulmão que sempre atualiza sua capacidade,

Pagliacci

Cia. LaMínima Texto de Luis Alberto de Abreu Direção de Chico Pelúcio Por mau exemplo dos veículos de comunicação, das políticas públicas e sociais que não parecem capazes de tornar a vida um projeto mais simples, mais prazeroso, mais sincero e nobre, não sem razão, o tempo presente tem batido forte nas estruturas daquilo que chamamos Tradição. E a Cia. LaMínima, numa viagem no tempo, impossível de precisarmos se do passado ao presente ou se do futuro ao presente, concebe uma obra de rara qualidade técnica (embora tradicional), de rara qualidade estrutural (embora clássica) e de raro conteúdo objetivo (embora não esteja posto em cena nada que não seja óbvio ao bom senso).Quero dizer que esse

Cachorros Não Sabem Blefar

Cia. 5 Cabeças Texto e direção: Byron O’Neill Sesc Ipiranga Para começar um comentário da peça "Cachorros Não Sabem Blefar", evocarei a memória daqueles que acompanharam outro trabalho que ocupou o mesmo Sesc Consolação. Quem assistiu ao excelente "Nós", do também mineiro Grupo Galpão, fatalmente, perceberá no contraste um exemplo cruel de como a forma é capaz de interpor o raciocínio.Veremos como é possível que a mesma fórmula, nas mãos de magos distintos, pode produzir feitiços radicalmente opostos.Se "Nós" organizou eixos complexos e claros, segundo dispositivos apóricos e soluções estéticas que não tornaram a obra impermeável ao entendimento do público, realizando assim um trabalho absol

Palavras Corrompidas

Nucleo Perfoma Teatro Texto: Livremente inspirado em Hugo von Hofmannsthal "Carta de Lorde Chandos" Criação e encenação: Matteo Bonfitto Sesc Ipiranga Se ainda há caráter messiânico na arte, e obras em busca de configurar um estandarte para valores que para o bem ou para o mal, de forma inegável, deixaram de significar e ser o que outrora foram, certamente poderíamos apresentar este trabalho de resistência da "presença" como um ícone para este lugar do pensamento.Estar presente no mesmo espaço onde materialmente nosso corpo habita e cronologicamente nossa mente está situada, em um mundo convencido, não sem luta, que tempo é dinheiro, carrega qualquer coisa de heroico sim. Entretanto, não evo

Poema Suspenso para uma Cidade em Queda

Texto: Verônica Gentilin Direção: Luiz Fernando Marques Cia Mungunzá Caixa Cultural O funcionamento material da cena, ativado pela rigorosa partitura executada (em grande parte) pelo notável, excelente e polivalente Pedro Augusto, alcança o contrário do que se entende que sejam as intenções do trabalho.Tudo aquilo que se apontou como investigação do micro-universo-particular das personagens desaba quando a pertinência material impõe a narrativa do maquinário cênico acima do enredo, das contradições, do que poderia a luz narrar.Se há documentários onde a simplicidade formal dá-se no ligar da câmera e no ato focá-la nas personagens e locações, poder-se-ia dizer que como solução para este apáti

Playground

Texto: Rajiv Josef Direção: Marco Antônio Pâmio Viga Espaço Cênico No tempo dos projetos insólitos, dos atores que vivem jornada dupla de trabalho (até tripla), é raro ver gente realmente feliz consigo e com seus resultados. Playground é um destes raros momentos do teatro brasileiro. E satisfação é um elemento que enriquece a cena. Os atores não sofrem durante a execução das bem dosadas partituras, ao contrário, cavalgam altivos pelos eixos da carismática dramaturgia e da organizada direção. A luz, como inteligente esteio para os sentidos da cena, também merece destaque. Neste ponto está o mapa para perseguirmos a fábula. E é na luz onde está guardada a chave para aceitarmos pacificamente a

percurso
Procurar por tags